30 de ago de 2010

2 Mil

Oii gente.
Ando meio sumida, pois ando com algumas complicações básicas da vida, porém vim aqui para agradecer as mais de DUAS MIL visitas ao meu blog, mesmo aqueles que não me seguem, e apenas visitam para ler, já significa muito pra mim.
Obrigada, queridos leitores, caros blogueiros, sejam sempre bem vindos ao meu mundo, fiquem à vontade para compartilhar seus pensamentos e ideias.

Como diz uma amiga: "A casa é sua, só não tire a roupa!" rsrs
 
Um grande beijo, e voltem sempre!

26 de ago de 2010

Dor



Dor de amor, de solidão
Dor de saudade, dor de remorso
Dor de ferida, de arrependimento...
Não há qualquer coisa pior que dor
Haverá cura para dor de cotovelo?
Quem sabe cura para dor de coração partido?
Seria possível curar a dor de um coração que se perdeu?
Vão-se os antidepressivos, as caixas de chocolate
Ficam os lenços de papel, as garrafas vazias
No dia seguinte, a dor de cabeça e os olhos inchados não lhe deixam esquecer
A ferida que se abriu não se fechará tão logo
Não se pode escolher o tipo de dor
Só se pode sentir
De forma adulta ou infantil
De forma calma ou desesperada
Não se pode calcular o tamanho da dor
Pode se imaginar a intensidade
É possível imaginar o quão grande é o buraco
Será possível dizer quanto tempo há de durar essa dor?
Impossível
Só se pode sentir
Independente de intensidade, de tempo ou de que forma ela é
Ela está lá
Sem convite, sem permissão
Tirando o sono e a paz
Daquele que já não aguenta mais sua presença
Implora pela morte
Suplica por um abraço
Pede por um ombro à chorar
Deseja um colo para se aconchegar
Os dias não passam
As horas rastejam
Não é possível viver tendo tamanha angústia dentro de si
Então, ele apenas sobrevive
Para que não faça sentir o mesmo, aqueles que tanto ama.


23 de ago de 2010

Mulher Moderna

São 6:00 da manhã...


O despertador canta de galo e eu não tenho forças nem para atirá-lo contra a parede...
Estou tão cansada, não queria ter que trabalhar hoje.
Queria ficar em casa, cozinhando, ouvindo música, cantarolando, até...
Se tivesse filhos, gastaria a manhã brincando com eles, se tivesse cachorro, passeando pelas redondezas...
Aquário? Olhando os peixinhos nadarem...
Se eu tivesse tempo, gostaria de fazer alongamento... Brigadeiro...
Tudo menos sair da cama e ter que engatar uma primeira e colocar o cérebro pra funcionar.
Gostaria de saber quem foi a mentecapta, a infeliz matriz das feministas que teve a estúpida idéia de reivindicar direitos de mulher... queria saber.
POR QUE ela fez isso conosco, que nascemos depois dela?
Estava tudo tão bom no tempo das nossas avós, elas passavam o dia a bordar, trocar receitas com as amigas, ensinando-se mutuamente segredos de molhos e temperos, de remédios caseiros, lendo bons livros das bibliotecas dos maridos, decorando a casa, podando árvores, plantando flores, colhendo legumes das hortas, educando as crianças, freqüentando saraus, ENFIM, a vida era um grande curso de artesanato, medicina alternativa e culinária.
Aí vem uma fulaninha qualquer que não gostava de sutiã nem tão pouco de espartilho, e contamina várias outras rebeldes inconseqüentes com idéias mirabolantes sobre 'vamos conquistar o nosso espaço'!!!
Que espaço, minha filha???
Você já tinha a casa inteira, o bairro todo, o mundo aos seus pés.
Detinha o domínio completo sobre os homens, eles dependiam de você para comer, vestir, pra tudo!!! Que raio de direitos requerer?
Agora eles estão aí, são homens todos confusos, que não sabem mais que papéis desempenhar na sociedade, fugindo de nós como o diabo foge da cruz...
Essa brincadeira de vocês acabou nos enchendo de deveres, isso sim. E nos lançando no calabouço da solteirice aguda.
Antigamente, os casamentos duravam para sempre, tripla jornada era coisa do Bernardinho do vôlei - e olhe lá, porque naquela época não existia Bernardinho do vôlei.
POR QUE ??? Me digam POR QUE um sexo que tinha tudo do bom e do melhor, que só precisava ser frágil, foi se meter a competir com o macharedo?
Olha o tamanho do bíceps deles, e olha o tamanho do nosso.
Tava na cara que isso não ia dar certo!!!
Não agüento mais ser obrigada ao ritual diário de fazer escova, maquiar, passar hidratantes, escolher que roupa vestir, e que sapatos combinar, que acessórios usar... tão cansada de ter que disfarçar meu humor , que sair sempre correndo, ficar engarrafada, correr risco de ser assaltada, de morrer atropelada, passar o dia ereta na frente do computador, com o telefone no ouvido, resolvendo problemas que nem são meus!!!
E como se não bastasse, ser fiscalizada e cobrada (até por mim mesma) de estar sempre em forma, sem estrias, depilada, sorridente, cheirosa, com as unhas feitas, sem falar no currículo impecável, recheado de mestrados, doutorados, e especializações.

(ufffffffffffffffffff!!!!!!!). .

Viramos super mulheres e continuamos a ganhar menos do que eles...
Não era muito melhor ter ficado fazendo tricô na cadeira de balanço?
CHEGAAAAAAA!!! Eu quero alguém que pague as minhas contas, abra a porta para eu passar, puxe a cadeira para eu sentar, me mande flores com cartões cheios de poesia, faça serenatas na minha janela, ai meu Deus, já são 7:30, tenho que levantar!
Vocês pensam que eu estou ironizando? To falando sério! Estou abdicando do meu posto de mulher moderna. Troco pelo de Amélia! Alguém se habilita?






(Autora: uma Executiva Puta da Vida)!!!!


Texto recebido por e-mail nem lembro de quem. rs

16 de ago de 2010

Birthday

13 de ago de 2010

Eu Por Imagens

Esse é um desafio e/ou brincadeira que a Dani Brito me passou, e resolvi fazer, já que ando ociosa. huahuaha
Tenho que dizer através de imagens um pouco mais de mim. Espero que gostem e que compreendam facilmente. Beijooooooo!!!


QUEM SOU EU


O QUE ME FAZ SORRIR





O QUE ME FAZ CHORAR






COR(ES)


MELHORES LEMBRANÇAS





MÚSICA(S)


FILME(S)



PECADO(S)




CHEIRO(S)



ESPORTE(S)



HOBBY(S)




LIVRO(S)





SONHO(S)






Bom, é isso, conseguiram entender?? rs Como é meio complicado e leva um tempo pra fazer, deixo aqui um convite para quem queira participar. Grande beijo!

Ps: Imagens extraídas do site de busca Google.

11 de ago de 2010

Pai...

Bom, como estava viajando, estou atrasada com o Dia dos Pais, mas não podia deixar de falar alguma coisa, mesmo que tardia.

Falar do meu pai é sempre algo muito complicado pra mim, eu o amo, isso é fato, mas já sofri muito por esse amor.
Não sei se cheguei a citar, mas meu pai foi embora de casa quando eu tinha apenas 5 anos, posso dizer que foi um dos piores dias da minha vida. Quem não quer ver os pais unidos até que a morte os separe? Eu não era diferente. Acho difícil falar do meu pai, sempre me veem lágrimas aos olhos, sempre me recordo dos bons e maus momentos, sempre me lembro dos dias de visita e do momento em que ele partia, e ao partir levava consigo um pedaço de mim.
Já estou chorando, não sei me conter quando falo disso, lembro dos dias em que esperava ansiosamente por uma visita, e ele não comparecia, sempre tinha uma desculpa, lembro também das mulheres, das brigas intermináveis, do ciúmes infundado de todas elas...
Não posso dizer que sinto falta de ter um pai, quase não o tive para ter saudades. O que sinto falta é de ter uma presença de pai, de ter um colo pra chorar nos dias ruins, de ter um herói de infância, de me sentir protegida, tenho carência afetiva, não sei se por não ter tido um pai presente, ou por ver minha mãe batalhar para criar 3 filhos sozinha, e ter que trabalhar muito para que tivéssemos uma boa educação, sinto falta de esperar por um pai na volta do trabalho, e de como seria uma vida com um pai dentro de casa.
Eu não sei dizer de coração que esqueci tudo, não sei perdoar da boca pra fora, mas sei relevar, sei que pai é um só, sei que um dia todos nós iremos partir, e que não teremos uma segunda chance, então, eu o amo.
Sim, amo meu pai, apesar de todas as desavenças, apesar de toda a ausência, apesar de tudo, não posso deixar de amá-lo.
Só o que posso dizer é: Obrigada por me dar a vida, por me colocar no mundo, e por tentar ser um bom pai. Eu o amo por suas tentativas, por seus erros e acertos, eu o amo por ser simplesmente meu pai.

10 de ago de 2010

Volteeeei!!!

Oláa, meu povo!! Axé pra vocês!! hehehe
Estou de volta, depois de uma semanta muy cansativa na Bahia. hahahahhahaa
Olha, foi uma semana deliciosa, conheci algumas praias, experimentei acarajé, abará, conheci uma cachoeira violenta, huahuahauhau, quase morri nela por sinal, mas isso é outra história.
Hoje vim pra contar como foi, confesso que nunca tinha andado de avião, foi a primeira vez, deu aquele friozinho na barriga, mas quando estava lá em cima, nunca vi coisa mais linda, gente, o céu realmente parece algodão doce, quase eu peço pro piloto, páraa o avião que eu quero descer, hahahahha, tá, viajei.
Quando cheguei na Bahia, me senti um ser d'outro mundo, lá todo mundo é sossegado, ninguém tem pressa de nada, se pedem pra você aguardar 5 minutos, pode ter certeza que equivalem a pelo menos 20, huahuahua, não posso reclamar da recepção, os baianos são muito receptivos e simpáticos.
Eu fiquei na Praia do Back Door, que por sinal é o nome do hotel (Village Back Door), a vista do hotel é simplesmente maravilhosa, ele é beira mar, era só sair do apartamento, que o quintal do hotel era aquele marzão de Deus, coisa linda.
Conheci a Bahia do Pontal, no centro de Ilhéus, visitei o Bar Vesúvio que era aonde o queridíssimo Jorge Amado sentava-se para refletir, escrever e comer, assisti teatro da história de Gabriela e Nacib, conheci a Casa dos Artistas, comprei um livro de Poesia de Cordel, muito engraçado de um artista local, visitei a Catedral de Ilhéus, o Teatro, conheci uma rua que foi asfaltada por colonizadores, eles utilizava cobalto para tal, foi a primeira rua asfaltada da cidade, muito interessante mesmo, experimentei licor de cacau puro, chocolate somente de cacau e açucar mascavo, é tipo o chocolate amargo nosso e com uma vantagem para as chocólatras, não engorda!! hahahahahahaha
Conheci algumas praias, como a Batuba, a Praia dos Milionários, a do Pé de Serra, a de Olivença, conheci também a Cachoeira do Tijuípe, Tijuípe é um rio imenso, o lugar é fantástico, passei várias vezes pela ponte que leva ao centro da cidade em que desaguam o Rio Almada e o Rio Santana, eles se cruzam pelo caminho, a paisagem é esplêndida, conheci o Shopping Popular que nada mais é do que uma 25 de Março em miniatura, hahahahahha, terrível, conheci a Sorveteria (esqueci o nome) que era também frequentada por Jorge Amado e que foi a primeira a ser aberta no local, e claro que não poderia deixar de visitar o Mercado do Artesanato, consumista como sou, seria até um pecado não ir. hauhauhaua
Comprei uma baianinha de porcelana, camisetas, brincos, e outras cositas mas. Tirei muiiiitas fotos, vi muito peixe, muito siri, fiz tererê no cabelo, tattoo de henna, e coloquei tornozeleira de palha, curti bastante. Posso dizer que foi uma das melhores viagens que já fiz, foi uma segunda lua-de-mel e tanto, descansei bastante, passeei bastante, namorei bastante, e até que peguei uma corzinha sexy, viu!! hahahahahahhaah
Acho que é isso, meus queridos, vou colocar umas fotinhos pra vocês terem uma noção! Senti saudade de vocêeees!!! E de você também, blog. Beijoooo!


Vai um pedaço aí??

Ponte da Bahia do Pontal (Rio Almada e Rio Santana)

Asfalto de Cobalto e Pedra Comum (e minha melissa de Robert) huahauha

Rafa e Ká 

Bom, gentém, nem dá pra colocar muita foto, coloquei essas pra vocês sentirem um pouquinho do que eu senti lá. Um grande beijo!
Related Posts with Thumbnails
 
A Piece of Me. Design by Exotic Mommie. Illustraion By DaPino